Resultado de Exames

Coleta do Material

O sistema de embalagens para transporte de material deve ser constituído por três componentes:

– embalagem própria: recipientes que entram em contato direto com o material biológico. Ex; vidro, plástico, metal e outros;

– embalagem secundária com capacidade de envolver e conter a embalagem primária constituída por saco plástico, saco plástico tipo bag, caixa de PVC e outros;

– embalagem externa: recipientes com rigidez adequada (PVC, metal e outrso).

Coleta Material Exame Anatomopatológico

– colocar as peças cirúrgicas e biópsias em recipiente próprio, disponibilizado pelo Laboratório (frascos ou sacos plásticos);

– submergir o material totalmente em formol 10% (aproximadamente 10 (dez) volumes de formol para 1 (um) volume de tecido);

– Identificar o frasco ou saco plástico com o nome do paciente (etiqueta própria do bloco cirúrgico, se houver ou utilizar etiqueta que não corra o risco de desbotar ou mesmo apagarem as informações), contendo: nome completo do paciente, data de nascimento, data da realização da coleta, horário da coleta, quantidade de frasco e natureza do material a ser enviado;

– preencher o pedido do exame com identificação do paciente, especificação do material e dados clínicos imprescindíveis: localização anatômica da amostra, data e hora da coleta, diagnósticos e tratamentos prévios;

– conservar o material e o pedido em local fresco e destinado ao recolhimento pelo Laboratório;

OBSERVAÇÃO: é importante ressaltar que peças complexas como mama, próstata, intestino e outras, o período de tempo sem formol ou sem clivagem pode ocasionalmente afetar o exame de Imuno-histoquímica, principalmente para receptores hormonais e HER-2. A peça deverá ser acondicionada imediatamente para que o formol entre em contato com o centro da mesma. 

Coleta Exame Citopatológicos

– submergir a lâmina com o esfregaço em fraco contendo álcool etílico 92 graus, logo após a sua confecção;

– identificar o frasco contendo a etiqueta do Laboratório e o número de série;

– referir o número de série do frasco no pedido médico;

– preencher o pedido médico com identificação do paciente, data de nascimento, especificação do material, dados clínicos, carimbo e assinatura do médico.

Para o envio de Líquidos a fresco utilizar as seguintes técnicas de conservação:

– amostra biológica com alta concentração de muco. Exemplos: escarro, aspirado broncoalveolar (lavado broncoalveolar), mucocele (ovário): refrigeração por 12 (doze) a 24 (vinte e quatro) horas;

– amostra biológica com alta concentração protética. Exemplos: líquido pleural, líquido peritoneal, líquido pericárdio, fundo de saco, PAAF de mama e outros órgãos: refrigeração por 24 (vinte e quatro) a 48 (quarenta e oito) horas;– amostra biológica com baixa concentração de muco e proteína. Exemplos: líquor e urina: refrigeração por 1 (uma) a 2 (duas) horas.

Tel:/Fax:

(31)3222-8788

Endereço:

Avenida Pasteur, 88 - Funcionários
BH / MG - CEP 30.150-290